O acúmulo de líquidos pode ser descrito como a sensação de peso nos membros inferiores (ossos do quadril, coxa, perna e pé), inchaço nos olhos e dificuldade de movimentos nos dedos das mãos, além de dificuldade de urinar e intestino preso.

De acordo com diversas nutricionistas, o acúmulo de líquido pode ser provocado por questões diferentes: funcionais, nutricionais e desequilíbrio hormonal, assim como doenças severas como alterações renais, inflamatórias ou cardiovasculares. Entenda:

Alimentos e bebidas que provocam inchaço

Alimentos industrializados e processados, ricos em sódio e conservantes, estão entre as principais causas de inchaço, assim como o alto consumo de carboidratos refinados e bebida alcoólica.

O drink acompanhado de embutidos, frituras e molhos prontos (aka happy hour ou churrasco de turma) é pior ainda, de acordo com a nutricionista dra. Vânia Assaly, do Instituto de Prevenção Personalizada. “A combinação de álcool com gorduras saturadas aumenta os mecanismos de inflamação no corpo, gerando maior inchaço”, explica.

Dietas ricas em carboidratos refinados também são os grandes vilões. “Açúcares em excesso podem alterar a proporção dos hormônios e trazer um cenário de maior acúmulo de líquidos”, acrescenta a nutricionista dra. Rachel Faria.

Em resumo, evite misturar sal, açúcar, farinha, conservantes, gordura saturada hidrogenada, corantes e álcool.

Além de frituras e embutidos, alguns alimentos que podem provocar desconforto são leguminosos (feijões, lentinha e grão de bico), alho e cebola em grandes quantidades, pães e massas em geral, além de alimentos que contenham lactose (queijos, leites e iogurtes), repolho, adoçantes artificiais, pimentão, brócolis, couve flor, bebidas adoçadas artificialmente e refrigerantes.

Lembrando que comida japonesa traz uma grande sobrecarga de sódio do shoyu e de calorias do peixe e açúcar do arroz, diz a nutricionista dra. Ana Maria Droghetti, também do Instituto de Prevenção Personalizada.

Saiba mais: Como reduzir o inchaço em 3 dias com Detox

Alimentos e bebidas que diminuem o efeito do inchaço

Dieta de 3 diasMas, nem tudo está perdido! Nada como uma boa água para eliminar o inchaço de uma refeição mal balanceada. “Após o consumo de água, pode até existir a retenção, mas depois de equilibrar os eletrólitos e hormônios temos um bom resultado”, explica Vânia. O consumo de couve, própolis, frutas e farinha de uva também diminuem o inchaço, completa Rachel.

Caso você não beba muita água no dia a dia, experimente colocar folhas de hortelã ou pedaços de gengibre na bebida – mas, evite tomá-las durante as refeições. Além disso, existem chás com funções diuréticas e desintoxicantes, como chá de hibiscos, de cavalinha, verde, dente de leão, gengibre, alecrim e hortelã. Porém, devem ser consumidos sempre com orientação de um profissional.

Doenças cujos sintomas são inchaço

A formação de gases e prisão de ventre podem estar relacionados a questões mais severas de saúde, como a deficiência de enzimas no corpo. O caso mais famoso é intolerância a lactose, doença gastrointestinal provocada pela falta da enzima lactase no sistema digestivo.

Trombose venosa profunda – a formação de coágulos de sangue dentro das veias profundas das pernas – também tem o inchaço como sintoma. “Há um bloqueio da circulação e o sangue não consegue retornar para o coração, causando inchaço e dor na perna”, explica  Rachel.

Doenças nos rins podem provocar inchaço nas pernas e ao redor dos olhos, enquanto pessoas com insuficiência cardíaca podem sentir inchaço nas pernas, barriga e nos pulmões. Além disso, problemas no fígado são capazes de gerar inchaço na barriga e nas pernas.

Outros fatores que podem levar à sensação de inchaço

Gravidez causa frequentemente inchaço nas mãos, pés, tornozelos, pernas e também na face. Durante o ciclo menstrual mulheres podem inchar em diversas partes do corpo no período que antecede a menstruação.

Além disso, medicamentos podem ter inchaço como efeito colateral, como os remédios prescritos para diabetes e pressão alta. Por fim, viagens que pedem que o passageiro fique muito tempo sentado podem resultar em inchaço nos pés, tornozelos e pernas.

Gostou desse artigo? Veja mais:

Detox de 3 Dias para Desinchar o Corpo Funciona?
Dieta low carb: Benefícios, Alimentos e Receitas

Comentários